terça-feira, 13 de setembro de 2011

Você e eu, Eu e você

Teria medo de viver, fobia se não puder escutar meus gritos enlouquecidos de desejos...
 Queria sifônias dentro de mim, minha razão sem ritos,
deixaria envolver-me assim! Sob a luz da lua deliciosa.
Pediria ansioso o teu abraço,o teu carinho na cama assim desnuda e ansiosa eu e você!
você e eu sob a luz da lua e se enrolar enroscar fundir o nosso ser,
poderia beijar o teu pescoço gostoso e degustar o teu beijo beijado por mim, são os sonhos ofegantes, prazeres de alegria assim é com você.
Sou um poeta sem leitura, meu intelecto some perto de ti...
Permita-me mostrar a lua, peço-te um beijo teu no pratear da lua.