terça-feira, 14 de junho de 2011

Onça pintada




Onça pintada que mora no amazonas,
és bicho encantado,
se esconde entre folhagens,
Foge do caçador malvado;
Oncinha pintada, não fujas mais;
O caçador malvado foi preso e desarmado;
Cumprido o castigo dado pelas leis dos homens;
Um dia a justiça da natureza vinda por mãos divinas
hão de punir tal caçador!
Pondo-lhe no lugar da presa...
Assim sendo a tua caça!
Tupã há de ouvir o apelo,
vindo do pássaro sagrado;
Pedindo de vingança...
Tu que caças para sobreviver, 
e por instinto terás a tua recompensa...
Assim canta o Uirapuru o pássaro sagrado!