terça-feira, 3 de maio de 2011

menino de rua

Sou menino!
vivo correndo,
caio do telhado,
não tenho juízo!
Sou menino!
Corro atrás de uma bola,
empino pipas e apronto...
Sou travesso meto susto
finjo-me de doente,
para não ir pra escola...
Sou triste por fazer tal
travessura de não ir pra escola!
hoje vivo nas ruas,
pedindo um trocado e
no sinal, vendendo balas,
Ou em qualquer canto na rua
prostituindo-me correndo da policia e
cheirando cola, sou ladrão!
Por mentir e esconder-me
atras de doenças falsas!
Fui menino e ainda sou!
Por que:
Não tive a coragem de crescer...