domingo, 24 de abril de 2011

Poema para acalentar a alma com amor
trás alegria, com cheiro de flor,
botando cores no coração.
Poesia cantada no imaginário de quem lê,
na simplicidade de quem fala com fascinação.
Canção do poeta ao falar de amor sem rancor,
mas recita a vida com puro ardor, razão de amor