sexta-feira, 1 de abril de 2011

Lua, minha lua


A minha deusa é a figura da lua,

Inquieta e cheia de fazes,
É bonita porque assim Deus quer!
Há lua, mexe comigo e é formada em sentimentos íntimos!
É lua do dia, lua da tarde e sendo a lua da noite por isso é a lua bonita;
Lua, súdita e cumprisse do amor, cheia de mistérios,
Mística por natureza é lua das bruxinhas que cantam e lançam magias ao luar!
Por fim esconde os sonhos de um dia um homem voar e poder pisar,
Mas a lua não foi feita para ser pisada e sim para ser amada, admirada e uivada por lobos e seus descendentes o “cão”,
Não pertence só à natureza, Também é do homem que a namora desde sua existência e por fim é lua de namorados,
Apaixonados, é a deusa de minhas poesias, minha lua bonita.